Quer criar seu próprio infoproduto?

Inscreva-se e receba um minieBook para saber mais hoje mesmo!

Tsunami no Japão, enchentes, terremotos…

tsunami japãoCatástrofes como o recente tsunami no Japão sempre nos levam a pensar. Que talvez o final dos tempos esteja chegando.

Ultimamente têm acontecido muitas coisas deste tipo. Muita desgraça junta. E como se não bastassem aquelas que são naturais, inevitáveis, ainda conseguimos criar mais algumas (muitas), como guerras, terrorismo e por aí afora.

A segunda guerra mundial – para citar um exemplo – matou tanta gente, que parecia mesmo o final do mundo. Parecia que o anti-cristo havia chegado e tomado conta. Mas não foi assim. O detalhe é que guerras são causadas por nós, seres humanos.

Já os fenomenos naturais não. O homem pode até tentar explicar, mas não pode causar. Ou – pior – evitar.

O poder do Tsunami

O tsunami no Japão, bem como a anterior, na Indonésia, em 2004, é um evento simplesmente devastador. Não há tempo para se fazer quase nada. Em alguns casos, nem sequer correr, fugir.

Alguns – com certeza – dirão que o tsunami do Japão é um sinal. Assim como já disseram sobre outros eventos parecidos.

Eu digo que não sei. O que muitos não levam em conta, é que a nossa medida de tempo só serve para nós. Não para Deus. Então o que pode nos parecer muita coisa em pouco tempo, não é assim para Deus.

Por outro lado, é sim, um sinal. Para cada um de nós. Porém, um sinal que sempre esteve presente em nossas vidas. O sinal é que não sabemos quando vamos morrer. Ninguém sabe. Pode ser daqui a trinta anos ou pode ser hoje. Ou amanhã.

O poder de Jesus Cristo

Esperar por sinais mais contundentes é temerário. O grande sinal é este: você pode morrer de uma hora para outra, sem ter entregado sua vida a Jesus. E o que vem depois para aqueles que não aceitam a salvação em Jesus Cristo, em nada se compara a um tsunami. É muito – muito mesmo – pior.

A nossa vida na terra é curta, de qualquer maneira. Por isso, devemos realmente viver cada momento intensamente. Entretanto, precisamos investir no depois, que é infinitamente maior do que o agora. A eternidade. Não há como comparar nossa curta passagem por este mundo com a eternidade.

Se você ainda não fez este investimento, faça agora. Antes que seja tarde demais. Entregue sua vida a Jesus. Receba a salvação e a vida eterna com nosso Senhor. Assim, ainda que um tsunami – ou outra coisa qualquer – o leve desta existência, terá um lugar muito melhor para toda a eternidade.

About the Author Bruno